Search
Close this search box.
Malu Juba 1365x2048 1

Malu Oliveira

A inspiração para escrever este blog vem de minhas lembranças e andanças pela literatura. Lembro de minha mãe escrevendo suas cartas para meus avós, com dificuldade de fazer a letra “A”, que, ao mesmo tempo, me encantavam porque seus dizeres estavam carregados de subjetividade, mas também me entristeciam porque sabia que ela havia tido pouco acesso à escola e aos livros.

Por estas e outras razões, enveredei pelos estudos das Letras, da linguística e a literatura. Sou apaixonada pelos livros. Tenho prazer de virar cada página e pensar sobre as vidas que ali estão. Gosto de ler em voz alta, ouvir histórias, recontá-las, recriá-las. Possibilitar à vida dura da realidade um pouco de ficção. Deixo me envolver pelas escritas, dos contos, dos romances, dos diários que refletem sobre a vida, subjetividades, contextos, realidades…

Aqui e acolá rabisco algumas linhas no papel branco, brinco com as palavras, metáforas, com as reticências, que, com um pouco de imaginação e criatividade, ganham forma, melodia, poesia e sentidos. Agora dedico parte de meu tempo ao nosso blog Terra Literaria, um espaço de visibilidade das escritas de mulheres e de criação literária.

12 12 19 1 1366x2048 2

Dianela Cano Rodríguez​

No le tengo miedo a las palabras. Me encanta armar y desarmar frases, jugar a las escondidas con los sustantivos y adjetivos, dejar sueltos los verbos para que corran sutiles por el papel en blanco y lleguen a los lectores y les provoquen, les desafien. Será por ello que decidí en algún momento de mi vida estudiar periodismo y con ellos emrumbé, de alguna manera, mis necesidades expresivas. Luego conocí la imagen y el sonido y quedé deslumbrada con las infinitas posibilidades creativas que ofrecen para contar historias, para hablar del otro y de uno mismo. Ahora vuelvo a reencontrarme con la escritura, luego de algunos años, gracias a este espacio plural y multimedial al que llamamos Terra Literaria.

WhatsApp Image 2024 05 02 at 18.03.19

Cristina Lima

Sou acima de tudo uma pessoa fascinada pelas escritas de mulheres e pessoas divergentes, que desafiam a articulação do patriarcado, do racismo e do capitalismo através de suas artes. A partir de uma trajetória que combinou o jornalismo e a comunicação com a construção coletiva dos movimentos feminista e de mulheres negras, acabei por me descobrir uma editora e revisora com foco em narrativas que abraçam a liberdade e a construção de outro mundo possível e justo. Identifico-me com Terra Literária, porque considero este projeto um encontro de todas essas questões e muito mais.

contato